Contate-nos:

contato@alkimystika.com.br



Conheça nosso shopping on line com artigos esotéricos e fitoterápicos, masi de mil produtos:
www.alkimystika.com.br

terça-feira, 27 de novembro de 2012

Sucos

Namastê!

Visite nossa loja:

www.alkimystika.com.br

Esfinge de Gizé



A Grande Esfinge de Gizé é uma escultura monumental localizado na margem oeste do rio Nilo, na cidade de Giza, a cerca de 20 milhas ao sudoeste do Cairo centro da cidade. Egiptólogos acreditam que foi esculpido c. XXVI século. C., que faz parte do complexo funerário do rei, durante a dinastia IV do Egito.

Os moradores a chamavam de Abu el-Hol "Pai do Terror", de bel-hit expressão copta que se aplica a qualquer um que expressa a inteligência em seus olhos e que se traduz ou ju hu nome egípcio, que significa guardião ou vigia .


A Grande Esfinge foi esculpir uma colina de calcário localizada no planalto de Gizé. Ele tem uma altura de cerca de 20 metros, a medição ao longo de cinco metros de rosto. A cabeça pode representar o faraó Khafre, o corpo com a forma de um leão. Nos tempos antigos foi pintado em cores vivas: vermelho e corpo, rosto e na cabeça nemes cobrindo com listras amarelas e azuis. Suas dimensões são de aproximadamente 57 metros de comprimento e 20 metros de altura.


Ele construiu um templo em frente da estátua, que datam do Império Antigo, e outro mais ao norte, perto da Esfinge no Novo Reino, como locais de oferendas para a "imagem viva". Chephren erguido um templo no sul, que é conectado com a pirâmide por uma avenida processional longo. Ele gostava de veneração e culto pelos egípcios desde os tempos antigos, especialmente durante o Império Novo.


Ela foi identificado com o deus horum no exterior, e com o deus egípcio Hórus como Hor-em-Akhet, ou Harmajis, "Hórus no horizonte." Em árabe de Abu el-Hol chamado de "Pai do Terror". O epíteto dado pelos egípcios ao esfinges erashesep-ankh, "imagem viva".


Há evidências das restaurações durante a XVIII Dinastia do Império Novo.


As camadas inferiores de calcário quebrar facilmente com a umidade, mas os ventos do deserto de areia soprado periodicamente cobriu seu corpo, protegendo-o da erosão de séculos.


Em tempo de Tutmés IV, o "sonho Stela" erguido em frente a ela, é descrito em uma caçada, o futuro Tutmés IV dormiu debaixo da cabeça da Esfinge e isso, em sonhos, ele prometeu ser eleito rei se aprovado areia que cobria.


No século XX, foram realizados restauração e consolidação do revestimento desde 1925, com resultados insatisfatórios para as técnicas e materiais utilizados, com intervenções posteriores, em 1980 e 1992.


No século XXI continuou restauração dos danos causados pela erosão.


Desde os ataques dos mamelucos, hoje Esfinge não tem nariz ou barba. Este último está no Museu Britânico, em Londres.










Namastê!

Visite nossa loja:

www.alkimystika.com.br







O Poder das Pedras Rosa - Quartzo Rosa





Efeitos para o Corpo: O Quartzo-Rosa é uma pedra que tem inúmeros efeitos curativos sobre o nosso corpo, com centros de gravidade no coração, sangue e circulação sanguínea. Ele minora doenças que ameaçam o coração e sua colocação sobre o corpo tem propriedades calmantes. Colocado embaixo do travesseiro, o Quartzo Rosa abranda depressões e perturbações do sono e, debaixo da cama, ele absorve as irradiações aquáticas e terrestres. Ele também protege contra as irradiações dos computadores.


Indicações: Coração, Sangue, circulação sanguínea, órgãos sexuais, ovários, peito, útero, intestino grosso, pâncreas, fígado, vasos sanguíneos, pele, mais vitalidade e fecundidade, perturbações do sono , irradiações terrestres, irradiações aquáticas.



Efeitos para a Mente: O Quartzo Rosa impulsiona nossas necessidades interiores de fidelidade e amor, e harmoniza os desejos sexuais. Na parceria, proporciona forças animadoras para pensamentos criadores e fantasias. Na meditação, o Quartzo Rosa penetra, com suas oscilações delicadas, profundamente em nosso corpo. Ele nos proporciona amor, delicadeza e mais contentamento. Através do Quartzo Rosa conseguimos o lenitivo do coração ferido emocionalmente e uma elevação de nossos sentimentos para um nível mais alto.


Indicações: Amor, amizade, acompanhamento do parto, sentimento de felicidade, amos ao próximo, delicadeza, comodidade, sensação de beleza, consolação, compreensão, confiança, sonhar acordado, sensação de bem-estar, desejos sexuais.







Pedras Rosa JAMAIS devem ser usadas sozinhas ...


As Pedras Rosa são: doadoras de Amor, Auto-estima, Sensibilidade, Doçura, Liberam Mágoas e Ressentimentos, Trabalham Traumas.

O principal componente das pedras rosa, o qual lhes confere a cor rosa, o Manganês, é um agente altamente sensibilizador,portanto é imprescindível o uso em conjunto com um Cristal de cor verde, de igual tamanho, pois pedras rosa podem causar um estado emocional depressivo, carência afetiva, excesso de sensibilidade.






Namastê!

Visite nossa loja:

www.alkimystika.com.br








O Poder das Pedras Rosa - Morganita



Já na Antiguidade, a Morganita era honrada como pedra mágica. Umas das maiores e mais belas Morganitas foi chamada pelo nome do seu proprietário, o financista J.P. Morgan, de onde provém o nome Morganita.



Efeitos para o Corpo: A Morganita tem efeitos terapêuticos sobre as vias urinárias; recomenda-se beber água preparada com essa pedra, em casos de problemas de bexiga, incontinência noturna, especialmente no caso de crianças. Além disso, essa pedra tem efeito terapêutico sobre os músculos, câimbras, lumbago, dores na coluna, regula o batimento cardíaco, respiração e a digestão.


Indicações: Bexiga, rins, músculos, reumatismo, coração, batimento cardíaco, arritmia, digestão.


Efeitos para a Mente: Devido às suas fortes vibrações, a Morganita auxilia na transformação da inquietação em calma e confiança. Em meditação, essa pedra tem um efeito limpante sobre os sentimentos e a alma. Transmite uma sensação de amor e de unidade consigo mesmo e conduz à renovação de nossa vida emocional.


Indicações: Telepatia, amor, sentimentos, oráculo.





Pedras Rosa JAMAIS devem ser usadas sozinhas ...




As Pedras Rosa são: doadoras de Amor, Auto-estima, Sensibilidade, Doçura, Liberam Mágoas e Ressentimentos, Trabalham Traumas.

O principal componente das pedras rosa, o qual lhes confere a cor rosa, o Manganês, é um agente altamente sensibilizador,portanto é imprescindível o uso em conjunto com um Cristal de cor verde, de igual tamanho, pois pedras rosa podem causar um estado emocional depressivo, carência afetiva, excesso de sensibilidade.





Namastê!

Visite nossa loja:

www.alkimystika.com.br







O Poder das Pedras Rosa - Bixbita





Bixbita também é conhecida como Esmeralda Vermelha.

Trata-se de uma variedade de Berilo. Bixbita aumenta a energia do chacra básico, promovendo energia física e poder.

Elimina o medo. Alivia a dor, a tristeza e a depressão.

Desperta a kundalini, te levando a um estado de sabedoria e iluminação. Abre o chacra do coração com uma energia de pureza, aumenta o amor incondicional e o respeito a todos os seres vivos. Ajuda na cooperação, compatibilidade e harmonia nos relacionamentos, sejam amorosos, familiares e de trabalho. Bixbita te mostra o momento certo para mudar a direção de sua vida. Pedra de criatividade.







Pedras Rosa JAMAIS devem ser usadas sozinhas ...




As Pedras Rosa são: doadoras de Amor, Auto-estima, Sensibilidade, Doçura, Liberam Mágoas e Ressentimentos, Trabalham Traumas.

O principal componente das pedras rosa, o qual lhes confere a cor rosa, o Manganês, é um agente altamente sensibilizador,portanto é imprescindível o uso em conjunto com um Cristal de cor verde, de igual tamanho, pois pedras rosa podem causar um estado emocional depressivo, carência afetiva, excesso de sensibilidade.







Namastê!

Visite nossa loja:

www.alkimystika.com.br








O Poder das Pedras Rosa - Canga Rosa





Canga Rosa é um equilibrador profundo de auto-estima.




Atua nas profundas magoas e abalos muito fortes. Resgata os traumas para ser tratada, delicadamente e lentamente.








Pedras Rosa JAMAIS devem ser usadas sozinhas ...




As Pedras Rosa são: doadoras de Amor, Auto-estima, Sensibilidade, Doçura, Liberam Mágoas e Ressentimentos, Trabalham Traumas.

O principal componente das pedras rosa, o qual lhes confere a cor rosa, o Manganês, é um agente altamente sensibilizador,portanto é imprescindível o uso em conjunto com um Cristal de cor verde, de igual tamanho, pois pedras rosa podem causar um estado emocional depressivo, carência afetiva, excesso de sensibilidade.







Namastê!

Visite nossa loja:

www.alkimystika.com.br




O Poder das Pedras Amarelas - Citrino





O citrino  é uma variedade de quartzo de cor amarela, laranja ou, excepcionalmente, avermelhada. Seu nome vem do latim citrus, que é auto-explicativo. Trata-se de um quartzo com impurezas de ferro e o que o difere da ametista e de outras gemas da família dos quartzos é o estado químico do ferro em sua composição.
Não há grandes referências históricas sobre esta gema. Talvez porque as maiores jazidas estejam no Novo Mundo e elas tenham sido muito raras na Europa e no Oriente Médio.

 Os primeiros registros são da região onde hoje é Israel. Foram encontradas contas de colares em cavernas da região. Nos primeiros séculos da era cristã, foram localizados citrinos em formato cabochão e com desenhos em baixo relevo produzidos pelos romanos. No período Romântico, em meados do século XIX, o citrino passou a ser usado com mais frequência na joalheria.

A maior parte do citrino disponível no mercado é, na verdade, ametista ou quartzo fumê alterados por tratamento térmico. A ametista se torna amarelo-limão a partir de 470° C e o quartzo fumê a partir de 300° C. Normalmente, a única diferença é um sutil tom rosado que a gema adquire. O citrino em seu estado natural é encontrado quase que exclusivamente no Brasil (Bahia, Goiás e Minas Gerais) e em Madagascar. Há jazidas também nos Estados Unidos (Colorado), Espanha, Rússia, França e Escócia. É uma pedra preciosa de baixo preço, mais barata que a ametista, mas muito apreciada e utilizada na joalheria. O Brasil e a Escócia são seus maiores produtores mundiais.
Os citrinos são associados à atração da riqueza e ao aumento da auto-estima. Eles seriam capazes de acalmar a agitação mental e trazer a força de vontade, segurança e criatividade necessárias para os grandes empreendimentos. Considerando que o baixo astral frequentemente está ligado à falta de grana, até que faz sentido, né? Na dúvida, escolha uma linda peça e vá à luta.

Efeitos para o Corpo: O Citrino tem efeito desinfetante e fortalece o metabolismo. Através do seu efeito regenerativo sobre o metabolismo e a digestão, tem também propriedades fortalecedoras sobre o fígado e ameniza perturbações de hormônios, da digestão e moléstias das glândulas. Protege os neonatos contra as doenças. A água enriquecida com Citrino também é apropriada para problemas dos cabelos em geral.

Indicações:  Vitalidade, estômago, intestino, rins, fígado, crescimento dos cabelos, musculatura, problemas dos nervos.



Efeitos para a Mente: Fortalece pessoas sensíveis, proporciona raciocínio claro antes de provas, abertura de novos caminhos, libera das pressões cotidianas e das emoções. torna-nos mais compreensivos diante de outras pessoas. na meditação, aproxima-se da força do Sol e abre os corações e as almas para as coisas novas. Pertence às pedras poderosas e traz muita luz para as nossas vidas.

Indicações: Boa disposição de espírito, formas claras de pensamento, disposição para aceitar meios-termos, disposição afirmativa diante da vida, motivação, coragem, retificação das metas, disposição para o carinho, emoções, força do Sol para o coração e a alma.


Namastê!

Visite nossa loja:

www.alkimystika.com.br




O Poder das Pedras Amarelas - Âmbar




O âmbar é uma resina fóssil muito usada para a manufatura de objetos ornamentais. Embora não seja um mineral, às vezes é considerado e usado como uma gema.


Sabe-se que as árvores (principalmente os pinheiros) cuja resina se transformou em âmbar viveram há milhões de anos em regiões de clima temperado. Nas zonas cujo clima era tropical, o âmbar foi formado por plantas leguminosas.


Desde a pré-história, as regiões banhadas pelo Mar Báltico são a principal fonte de âmbar. Acredita-se que o material foi utilizado desde a Idade da Pedra. Foram encontrados também objetos de origem báltica nos túmulos egípcios datando 3200 a. C. Outra pista importante foram objetos encontrados na Escandinávia que eram utilizados por vikings dos anos 800 até 1000 d. C.


O nome vem do arábico anbar, provavelmente através do espanhol, porém esta palavra referia-se originalmente a ambargris, a qual é uma substância animal completamente distinta do âmbar amarelo. O âmbar verdadeiro tem sido chamado às vezes de karabe, uma palavra da derivação oriental significando “o que atrai a palha”, em alusão ao poder que o âmbar possui de adquirir uma carga elétrica pela fricção. Esta propriedade, observada primeiramente por Thales de Miletus, sugeriu a palavra “eletricidade”, do grego elektron nome aplicado, entretanto, ao âmbar e a uma liga de ouro e prata.


O âmbar é chamado também de electrum, sucinum (succinum), e glaesum ou glesum por escritores latinos. Em hebreu arcaico hashmal significar âmbar, embora o hebreu moderno use a palavra i’nbar, inspirada do árabe. A palavra em alemão é Bernstein.


Durante o século 13, os Cavaleiros Teutônicos controlaram a produção do âmbar na Europa, proibindo sua coleta desautorizada das praias na costa do Báltico, sob sua jurisdição, punindo infratores desta ordem com a morte.

O âmbar báltico (alguns chamam de verdadeiro) libera na destilação seca ácido succínico cuja emanação aromática, algumas vezes irritante, se dá principalmente a este ácido nas variedades opaco pálidas ou ósseas, numa proporção aproximada de 3 a 8% da massa total. A diferença de outros similares de outras regiões do planeta é justamente a quantidade emanada de ácido succínico. Outras resinas fósseis denominadas frequentemente de âmbar não contêm o referido ácido, ou somente uma proporção muito pequena. Foi por este motivo que o professor J. D. Dana propôs o nome succinite somente para o âmbar báltico.


Geralmente em trabalhos científicos o termo específico para o âmbar báltico é “ambar prussiano”.


O chamado succinite é encontrado como nódulos irregulares em uma areia glauconítica marinha, conhecida como terra azul, ocorrendo no início do período oligoceno na região de Sambia no Mar Báltico, no Kaliningrad Oblast, onde é explorado até a atualidade.


Efeitos para o Corpo:


Há cerca de 3.000 anos existem histórias sobre o Âmbar, ele é apontado entre as pedras curativas mais cobiçadas. Portado sobre a pele, alivia praticamente todas as espécies de moléstias da pele e alergias. Colocado próximo ao pescoço, minora as dores da nova dentição (para crianças). Alivia moléstias dos músculos e ossos.


Indicações:


Artrite, reumatismo, gota, artrose, dores nas costas, doenças das juntas e sistema nervoso, órgãos da respiração, bexiga, vesícula biliar, pele, cabeça, fígado, estômago, rins, ouvidos, costas, plexo solar, dentes.


Efeitos para a Mente:


O Âmbar foi sempre encarado como pedra solar inspiradora que desperta em nós a alegria de viver. Traz luz e calor para o nosso bem-estar e oferece uma irradiação fresca e alegre. Fortalece a capacidade de decidir e ajuda nos casos de irresolução e depressão.


Na meditação, contribui para a abertura do plexo solar, liberando o caminho para o interior, o que faz com que sintamos sua suave penetração.


Indicações: Libertação, sucesso, vida dos negócios, sensação de liberdade, motivação, parceria, potência sexual, proteção, autoconfiança, fluxo de calor.














Namastê!

Visite nossa loja:

www.alkimystika.com.br









O Poder das Pedras Amarelas - Topázio Imperial





O Topázio Imperial ou Topázio Amarelo atua no terceiro chacra, o plexo solar, local por onde trocamos energia com o mundo e também onde enclausuramos nossos medos e traumas passados. O Topázio


, sendo uma pedra estriada, vai ajudar na ativação das energias estagnadas que ficaram retidas, nos registros inconscientes vivenciados de desamparo, solidão, abandono, auxiliando assim a superar e suprimir a fome emocional. Quando a necessidade de ingestão torna-se compulsiva, detecta-se então um vazio, uma carência, que pode ter origem na infância e este nobre cristal então, promove o movimento dessa memória antiga, facilitando a digestão mental e física.

Considerada a pedra da alegria, age como despertador da vitalidade, da criatividade, da memória,concentração e clareza mental. Regula o sistema digestivo, sendo excelente para a perda de peso pois ajuda a eliminar açucares (afeto psíquico) e gorduras (proteção) corporais, garantindo uma sensação de saciedade e nos livrando de hábitos alimentares compulsivos. O Topázio Imperial faz jus a seu nome quando desenvolve (e nos devolve) nossa estória completa, sem temores ou complexos, quando nos traz a consciência do nosso justo valor para que percebamos quem é o verdadeiro dono (ou imperador!) de nós mesmos.





Namastê!

Visite nossa loja:

www.alkimystika.com.br



O Poder das Pedras Amarelas - Enxofre



Enxofre é um cristal que absorve todos os tipos de negatividade. Pedra muito macia não deve ser colocada na água. Enxofre traz compreensão, felicidade, criatividade, este cristal nos ajuda a avançarmo


s nossas capacidades psíquicas e bloqueia pensamentos negativos, nos permitindo assim a usar nosso raciocínio sem interferências. Inspira confiança e nos traz inspiração. Ajuda-nos a viver no momento agora, estimulando a clareza mental, foco e análise.





Trata-se de uma pedra que aumenta a intuição e auxilia na disciplina e fortalece a nossa força de vontade, carisma e vitalidade.







Namastê!

Visite nossa loja:

www.alkimystika.com.br



O Poder das Pedras Amarelas - Heliodoro



Heliodoro nos trazer a energia e os sentimentos que temos em um lindo dia ensolarado fazendo-nos sentir maravilhoso e feliz.

Heliodoro recebe seu nome do grego que significa "Presente do Sol" está associada com o Chacra do Plexo Solar.

Fortalece o intelecto e sua capacidade de se concentrar nos projetos.
Ajuda-nos com problemas de ego e com as questões de controle. Heliodoro são energizantes, trazem otimismo em nossas vidas.

Este cristal também ativa o Chacra da Coroa.

O Plexo Solar é o nosso centro de poder e Heliodoro nos ajuda a equilibrar essa energia de forma construtiva. Também nos ajuda na comunicação em um nível mais elevado.
Ele constrói o caráter. Ajuda novos começos, trazendo força e a resistência necessária. 
Ótima pedra para negócios e esportes competitivos. 
Tomadas de decisões, ficam mais fáceis com esta pedra. 
Compaixão é amplificada por ela. Faz a liberação de velhas idéias e hábitos. 
Ótimo para tratar depressão, ansiedade e preocupação.









Namastê!

Visite nossa loja:

www.alkimystika.com.br





Reino Submerso da Rainha Cleópatra - Alexandria - Egito

Perdida e esquecida há mais de 1600 anos, várias quadras do que acredita-se tratar de um palácio de Cleópatra, fora descoberto na costa da cidade de Alexandria.





Um time de Arqueologistas Submarinos, liderados pelo francês, Franck Goddio, desde 1998 escavam e pesquisam esta antiga cidade.



Historiadores acreditam que esta parte da cidade foi submersa pela ação de terremotos e ondas gigantes e surpreendemente, vários artefatos permanecem intactos.



Dentre as descobertas estão as fundações do Palácio, naufrágios, colunas de granito vermelhas e estátuas das Deusas Isis e Esfinges.


O governo Egípicio planeja criar um museu subaquático, para que turistas mergulhadores possam visitar as ruínas.





Mergulhador em frente a estátua que acredita-se ser de Ptolemeu XII




Namastê!

Visite nossa loja:

www.alkimystika.com.br







O Poder das Pedras - Cavernas de Cristal



As Grutas de Naica estão localizadas no México na cidade de Chihuahua. Estes cristais foram descobertos em duas minas: uma de prata e outra de zinco estão a 300 metros de profundidade, com uma tempe


ratura ambiente de 60º c e 100% de umidade. São cristais de Selenita ou Gipsita com tamanhos de 3 a 4 metros de diametros e 11 a 14 metros de altura.

Por que estas cavernas foram descobertas agora e logo a Selenita?

Selenita surge para preparar o caminho para se estabeler a frequência de luz na Terra.

A Selenita é como luz liquida, suas estrias são caminhos para a substância iluminada do espírito.

Transmuta a pura luz branca e manifesta no plano terrestre.

Selenita chega para ativar o verdadeiro sentimento espiritual e dissolver as emoções exageradas com a força luminosa e estabilizadora do verdadeiro sentimento.

Selenita veio para ajudar a despertar a chacra da Estrela d`Alma e pode ser usada para purificar a mente e levar raios luminosos de alta frequência para qualquer ambiente.

Trata-se de um maravilhoso meio de transmitir formas pensamentos à mente coletiva, a serem percebidas consciente ou subconsciente pelos milhões de seres que buscam obter a integridade.










Namastê!

Visite nossa loja:

www.alkimystika.com.br







O Poder das Pedras - Pirâmides de Cristal



Os mestres atlantes sempre utilizavam a triangulação das pirâmides para propósitos específicos de recepção e transmissão de forças cósmicas. Devido à capacidade que as pirâmides têm de serem acumuladoras energéticas, elas se tornam canais da inesgotável energia universal, emitindo vibrações que contribuem poderosamente para nosso equilíbrio físico, mental e espiritual. Existe uma infinidade de propriedades importantes das pirâmides que ainda não são entendidas pelos seres humanos. Egípcios, babilônicos, maias e astecas – todas essas civilizações ergueram pirâmides para captar a energia do universo e se aproximar dos deuses. Para esses povos, a base da pirâmide representava o corpo humano, preso à matéria, enquanto o vértice apontava o caminho para o plano divino, representado, no caso dos egípcios, pela trindade Osíris, Ísis e Hórus.

Hoje em dia há várias maneiras de se utilizar o formato piramidal para ajudar na qualidade de vida do homem, plantas e animais tais como crises de enxaqueca, anemia, feridas físicas ou disfunções orgânicas, gripe, distúrbio digestivo, doenças cerebrais e reumáticas, estresse emocional, proteção contra má vibrações, para desenvolver a percepção extra-sensorial, para equilíbrio dos chacras, limpar a pele, purificar o ambiente, favorecer o desenvolvimento das plantas, etc e tudo isso varia de acordo com o material de que elas são feitas, que pode ser de papelão, alumínio, latão, cobre, madeira, ferro, ouro e de cristal.

O cristal, por ser um grande captador de energia é muito eficaz em qualquer tipo de trabalho, sendo geralmente pirâmides de tamanho pequeno, de cristal maciço e lapidado. A estrutura da pirâmide de cristal emite a energia positiva que neutraliza a energia negativa, criando um campo vigoroso de luz e purificação de vibrações ordenadas em torno dela levando tudo dentro desse campo a mover-se para a harmonia e para uma atmosfera de cura permitindo o despertar da paz. Como portais para dimensões superiores, a pirâmide cria em sua base quadrada o poder da matéria, da praticidade e da solidez representada pelos quatro vértices, que assentados estavelmente na Terra se unem em uma escalada rumo ao ápice, ao Céu, ao encontro do divino como manifestação interna, ascendendo para o Deus que temos dentro de nós. A contribuição impecável do cristal emprestando sua organização molecular à figura tridimensional, faz triplicar o resultado positivo para qualquer intenção de equilíbrio e cura.

Toda essa representação de força e poder das pirâmides, manifestada no mineral cristalino atomicamente perfeito, forma o par estrutura e sutileza- a fórmula certa para alcançar as esferas superiores do próprio ser!









Namastê!

Visite nossa loja:

www.alkimystika.com.br










O Poder dos Minerias - Cobre





Cobre é um maravilhoso condutor de energia.

Proporciona uma conexão das energias mais elevadas no corpo físico.

É um mineral de aterramento.

Alinhas os corpos sutis, chacras e meridianos. Promove agilidade mental e o raciocínio rápido.

Pode ser usado para amplificar e transmitir pensamentos.

Cobre é um grande parceiro dos cristais pois alinha e potencializa sua energia, amplificando seu poder.

Cobre combate a letargia, exaustão, fadiga, inquietação, a não aceitação de si.

Cobre traz uma clareza de pensamentos.

Ajuda a liberar ressentimentos, mágoas e a raiva.

Faz o equilíbrio das polaridades.

Estabiliza o metabolismo e o sistema imunológico.











Namastê!

Visite nossa loja:

www.alkimystika.com.br





domingo, 25 de novembro de 2012

O que significa a palavra Arcanjo



Detalhes da imagem: Arcanjo, num fragmento da Epístola de Judas (Tadeu) no Codex Sinaiticus (330-350 A.D.)













Arcanjo tem duas raízes, “arch” e “angelos”.

O prefixo grego “arch” (ἀρχ) deriva de “arché” (ἀρχή) que se refere tanto a “começo, ponto de partida, princípio”, como “suprema substância subjacente” ou “princípio supremo indemonstrável” .

A partir dessa raiz “arché” temos o antepositivo “arch”, em português, com o sentido de “aquilo que está na frente, o que está no começo, na origem, ponto de partida de um entroncamento”, sendo traduzido “acima”, “superior” ou “mais importante” e “o que governa, que dirige, que comanda, que lidera” e ainda carregando consigo idéias de poder, autoridade, império e superioridade .

Quanto ao grego “angelos” (άγγελος), vertido para “anjo”, significa simplesmente “mensageiro”.

A partir dessas raízes, portanto, a palavra “Arcanjo” (αρχάγγελος) se traduz “Líder dos Mensageiros”, “Chefe dos Mensageiros” "Capitão dos Anjos","Primeiro Anjo" , “Acima dos Anjos”, “Superior aos Anjos” “Anjo Superior” ou “Anjo Chefe” , num aspecto qualitativo de liderança e substancialmente de superioridade , da mesma maneira que se traduz palavras com o mesmo radical, tal como “arquiteto” (chefe dos construtores), “arcebispo” (classe hierárquica superior a Bispo), “hierarquia” (poder sagrado) ou “anarquia” (falta ou ausência de poder).












Namastê!

Visite nossa loja:

www.alkimystika.com.br










Crânios de Cristal






Os artefatos misteriosos, conhecidos como crânios de cristal estão sendo descobertos em todo mundo desde 1920. A primeira descoberta foi feita pelo explorador Mitchell-Hadges em 1927 em Belize. Esses crânios são geralme


nte reconstituições em tamanho natural de crânios humanos, feitos em quartzo.Eles estão cercados de controvérsia, principalmente de sua origem.




O que se sabe e que eles foram esculpidos com uma tecnologia alem de nossa capacidade atual, eles são arquivistas e contem informações que somente determinadas pessoas estão preparadas para acessa-las. Para nós simples mortais resta-nos adquirir um crânio de cristal em alguma loja especializada e fazermos meditações e eles irão nos ajudar e muito para despertar uma comunicação telepatica natural e direta com a realidade para o Universo em sua plenitude.




Alguns acreditam na alegação paranormal de que crânios de cristal podem produzir uma variedade de milagres. Ann Mitchell-Hedges dizia que o crânio que ela supostamente descobrira poderia produzir visões, cura do câncer, uma vez que ela usou suas propriedades mágicas para matar um homem e, em outra instância, viu nele uma premonição do assassinato de John F. Kennedy.




Nhoim peça de 1931 The Satin Slipper (O Chinelo de Cetim), de Paul Claudel, o Rei Filipe II de Espanha usa "uma cabeça de morte feita a partir de uma única peça de cristal de rocha", iluminada por "um raio do sol poente", para ver a derrota da sua Armada em seu ataque sobre a Inglaterra (dia 4, cena 4, pp 243-44).

Reivindicações da cura e de poderes sobrenaturais dos crânios de cristal não têm nenhum apoio da comunidade científica, que não encontrou qualquer evidência de fenômeno incomum associado aos crânios, nem qualquer razão para uma investigação mais aprofundada, além da confirmação de sua proveniência e método de manufatura.




Outras especulações historicamente infundadas da lenda dos crânios de cristal são alegadas com a conclusão do ciclo-b'ak'tun do Calendário maia em 21 de dezembro de 2012, sob a alegação de que a reunião das treze caveiras místicas vai evitar uma catástrofe, como previsão implícita no fim deste calendário. Outra alusão a tais poderes apareceu (entre uma variedade de outros feitos), em The Mystery of the Crystal Skulls, produzido pelo Sci Fi Channel em maio de 2008, e apresentado no Discovery Channel do Canadá em junho. Dentre os entrevistados, Richard C. Hoagland, que tentou vincular os crânios e os maias com a vida em Marte, e David Hatcher Childress, que propôs reivindicações de civilizações perdidas da Atlântida e de anti-gravidade.




Crânios de cristal são também referenciados pelo autor Drunvalo Melchizedek em seu livro Serpent of Light. Ele escreve ter se deparado com descendentes indígenas maias na posse de crânios de cristal em cerimônias nos templos de Yucatán, e que eles continham almas dos antigos maias que haviam entrado neles para aguardar o momento em que seu conhecimento antigo fosse, uma vez mais, necessário.




As alegadas associações e origens dos mitológicos crânios de cristal ao folclore espiritual nativo americano, por escritores ligados ao neoshamanismo, tais como Jamie Sams, são igualmente descartadas. Em vez disso, pelas notas de Philip Jenkins, a mitologia sobre os crânios de cristal pode ser rastreada até as "lendas barrocas", inicialmente transmitidas por F. A. Mitchell-Hedges, posteriormente retomadas:

“Na década de 1970, os crânios de cristal entraram na mitologia da Nova Era como relíquias potentes da antiga Atlântida, e eles adquiriram um número canônico: houve exatamente treze crânios. Nada disso teria a ver com as questões indígenas norte-americanas, se os crânios não tivessem atraído a atenção de alguns dos mais ativos autores de Nova Era”.






Namastê!

Visite nossa loja:

www.alkimystika.com.br







O Poder das Pedras Azul Clara - Jade Azul



Jade Azul sua cor varia do azul pálido ao verde azulado pálido. É um grande talismã de paz e serenidade. Promove a paz em questões que não podem ser alteradas. Restaura o equilíbrio das perturbaçõe
s emocionais em qualquer situação. Ótima pedra para terapia de cura que utilizam sons. Trata-se de uma pedra que acalma situações de raiva e resoluções de conflitos, principalmente familiares, onde os membros sentem que não estão sendo ouvidos. Jade Azul é bacana para crianças índigos, ou aquelas que não se adaptam com o sistema educacional ou social. Promove paz através da força, e é útil para crianças que enfrentam bullying ou intimidação de crianças violentas.

Namastê!

Visite nossa loja:

www.alkimystika.com.br





O Poder das Pedras Azul Clara - Fluorita Azul



Fluorita Azul possui uma energia calma e serena promovendo uma paz interior. Acalma as emoções e estimula uma comunicação clara. Trabalha nos chacras superiores aumentando as capacidades intuit
ivas. No chacra frontal aumenta a capacidade intuitivas, liga a mente humana com a Consciência Universal, no chacra laringeo traz uma comunicação clara entre os planos físico e espiritual . Aumenta as habilidades mentais, auxiliando na rápida organização da informação. Traz clareza mental e estabilidade diante a situações extremas.



Namastê!

Visite nossa loja:

www.alkimystika.com.br





O Poder das Pedras Azul Clara - Topázio Azul




O topázio azul possui cores que vão desde um azul bem claro, quase branco, até um azul escuro e profundo. Algumas tonalidades são tão características que inclusive existe no mercado uma nomencl
atura específica para elas. Por exemplo, as pedras de cor azul profundo recebem o nome de Topázio London Blue.
A olho nu e a primeira vista, o topázio azul pode ser confundido com uma água-marinha até pelo mais renomado dos especialistas.
O topázio azul é conhecido como a "Gema da Verdade", pois tem conexão com o chakra laríngeo e dá a força necessária para se expressar no que fosse mais difícil de dizer. Intensifica e transforma os pensamentos e sentimentos mais subjetivos em forma concreta. Pedra de proteção, previne contra falsos amigos.
Pedra tranqüilizadora, traz calma mental e emocional, acalma o sistema nervoso.
Ótima para a criatividade e clareza de pensamentos, harmoniza nossa vida emocional e ativa a sensibilidade de perceber a distância (telepatia). Esta pedra está ligada aos artistas, pois a consideram como pedra da sorte e de proteção, desperta a nossa as nossas capacidades musicais e aumenta a inspiração artística. Ótima para ser usada em meditações, para se sintonizar com Eu Superior e nos ajuda a ver o roteiro de nossa vida e a reconhecer onde nos desviamos de nossa verdade.



Namastê!

Visite nossa loja:

www.alkimystika.com.br





O Poder das Pedras Azul Clara - Água-marinha




Água-marinha é a pedra da coragem. As suas energias calmantes reduzem o estresse e aquietam a mente. Com sua cor verde-azulada ela pode ser translúcida ou mesmo opaca.
Era o talismã dos marinhe
iros contra o afogamento. Nos tempos antigos, acreditava-se que a água-marinha combatia as forças negativas.

Do ponto de vista psicológico, a água-marinha tem o poder de invocar a tolerância das pessoas, desestimulando o julgamento.
Ela cria uma personalidade cheia de ânimo, persistência e dinâmica, rompendo padrões de autoderrota.

Água-marinha acalma a mente e elimina pensamentos captados de outras pessoas. Filtra as informações que chegam ao cérebro e desanuvia a percepção, aguça o raciocínio e desfaz confusões. Água-marinha facilita a comunicação bloqueada e promove a expressão de nós mesmos. Essa pedra propicia o entendimento de estados emocionais subjacentes e a interpretação de sentimentos, amenizando medos.
Para completar, esta maravilhosa pedra desperta a nossa intuição e ativa a clarividência.
Esta é uma boa pedra para fazer meditações para a Mãe Terra pois incentiva o serviço à humanidade e evoca estados elevados de consciência.

Pela sua composição interna, o Berilo, é muito eficiente nos casos de inflamações de nervos em geral. Promove o bem estar profundo e a paz interior. Realiza o reencontro da alma com sua sabedoria superior. Abre o processo de aceitação da espiritualidade. Equilibra os processos de abertura mediúnica e os desequilíbrios provenientes dela. Trabalha os estados mentais de raiva contida, ódios, revoltas, medos e negatividade. Clareia a mente tanto para os sentimentos quanto para a realidade.


Namastê!

Visite nossa loja:

www.alkimystika.com.br





O Poder das Pedras Azul Clara - Cianita azul



A Palavra Cianita provém do grego “kynos” que significa azul-escuro.
Ela era considerada como pedra protetora de todos os navegantes contra os perigos das águas. Poseidon e Netuno, os deuses das águas, vinham à terra, pessoalmente, através da Cianita e ajudavam os homens a entenderem o gozo da vida e a alegria de viver. 
A peculiaridade dessa pedra está em que a mesma apresenta durezas diferentes. 
Os gregos também chamavam-na “Dis-Stenos”, a “força dupla”.


A Cianita por ser uma pedra azul, trabalha o 5° chakra, o dom do conhecimento, não apenas a verdadeira voz, mas a verdadeira e mais ampla comunicação; 
a que é mais sutil, a comunicação entre os mundos, entre os seres, abrindo espaços e caminhos novos para diferentes e novos entendimentos. 
Ligando os mundos, os reinos: 
– mineral, animal, vegetal e todos os seres deste o de outros planos, podemos dizer que esta Essência Vibracional trabalha numa oitava acima da Essência das Cataratas do Iguaçu, por sutilizar esta comunicação com a natureza, com os elementais, devas e com os espíritos da natureza.

A Essência Vibracional da Cianita, pode ser a facilitadora para este entendimento, para esta comunicação entre os seres, solta a nossa expressão, amplia a capacidade de dialogo, de entrosamento entre nós, assim como com os outros reinos. 
Quando nos conecta com os níveis mais altos de consciência.

Esta essência facilitará a abertura para as experiências e conhecimentos previamente adquiridos, que se encontram num nível muito distante da nossa consciência neste plano, tornando-os mais “visíveis” através de insights e principalmente nos possibilitará ver que circunstâncias aparentemente causais estão genuína e intimamente atadas umas as outras.

A Cianita é um mineral que se forma em longos cristais laminados.
Como a Selenita, esses longos cristais chatos são estriados. Isso indica que a protuberantes linhas paralelas que cruzam o cristal amplificam e conduze energias elétricas de alta frequência. 
A frequência da Cianita pode variar, dos estados etéricos de expansão de consciência até níveis mais densos da mente, onde a intuição, a compreensão e o entendimento podem ocorrer. 
A Cianita, com a simetria de suas fibras, dirige e canaliza a Essência Divina para a substância etérica da mente e cria pensamentos capazes de manter a integridade primal da força espiritual.
Essa pedra energizante também permite à mente o acesso aos reinos do pensamento causal que determinam o que se manifesta no plano físico.


O nível causal é o aspecto mais sutil e elevado do que definimos como "mente".
É nesse reino que toda a frequência penetrante da força espiritual começa a concretizar em formas de pensamentos. 
A intenção e a finalidade da Cianita é ligar as linhas de energia do corpo luminoso com o reino causal da mente etérica. Quando ela faz isso, o Chacra Causal é ativado e as leis da luz, que dão origem a ilimitadas possibilidades, podem ser concedidas e incorporadas em todas as formas de raciocínio. 
Então, a Essência Divina é fortalecida para ajustar os padrões do pensamento, levando-os a acomodar as formas de pensamento de frequências mais elevadas, sintonizadas com a Estrela da Alma e o Portão Estelar.


A Cianita ativa novos poderes de manifestação ao rejuvenescer os poderes superiores da mente adormecidos durante milhares de anos. Com o uso constante de Cianita, a visão do "jardim", que vinha sendo guardada na memória da alma, será recordada e ressuscitada.

Cianita é a construtora de uma ponte muito importante, que une o corpo de luz com o físico, através da mente.

Cianita tem o poder de ativar e ampliar o campo de força de outros cristais, inclusive os Guardiões da Terra. Também conhecida como a espada de Arcanjo Miguel, Cianita ainda pode ser utilizada como bisturi em cirurgias espirituais e para corte de formas pensamentos negativos.

Uma das principais finalidade da Cianita é estimular a luz branca pura que existe na Estrela da Alma, canalizando-a para os níveis causais da mente. Através dos seus caminhos etéricos estriados de azul, a Cianita abre o portão de acesso ao Chacra Causal e inicia a mente na pura força espiritual.



Namastê!

Visite nossa loja:

www.alkimystika.com.br





O Poder das Pedras Azul Clara - Turmalina azul





"As estrias da Turmalina Azul ativam e estimulam a comunicação, ajudam na oxigenação dos pulmões e limpam a garganta de travas emocionas" dando firmeza e coragem ao falar e a se posicionar v
erbalmente".



Namastê!

Visite nossa loja:

www.alkimystika.com.br





O Poder das Pedras Azul Escuro - Lápis-lazúli



Trata-se de uma das pedras de poder. O intenso azul-real com brilhantes partículas dourada sempre foi símbolo de poder e realeza. No antigo Egito, era conhecido como a cor dos deuses e venerado
 como um mensageiro do céu. Os egipcios acreditavam que, ao meditar sobre essas cores, podiam tocar a barra do manto infinito de Deus.
O Lápis-lazúli serve como purificador tanto mental quanto espiritual. Pode ser usado conscientemente em determinadas circunstâncias por espíritos altamente evoluídos para expurgar ou livrar a alma do passado que não é mais necessário carregar. Por outro lado é possível também colocá-lo sobre a área do terceiro olho a fim de penetrar através de bloqueios subconscientes com o intuito de estabelecer contato com a mente intuitiva e neutra. Essa pedra ajudará um individuo a desenvolver a estabilidade e o poder da mente que possibilitarão a atuação da força espiritual. Ela atrai a mente para o interior à procura de sua própria fonte de poder. Nesse processo é comum haver muitos padrões de memórias antigas com feridas emocionais carregadas a serem liberadas e curadas. O Lápis-lazúli representa o passar por sua própria escuridão e ilusão,seu próprio subconsciente, para verdadeiramente identificar seu próprio Eu-Deus. As partículas de ouro simbolizam a sabedoria alcançada ao término desse processo.

Abertura da contemplação e conexão. Atua sobre a insônia, sobre o sistema nervoso, acalmando. Promove a abertura mental ao plano da sabedoria superior. Faz abertura do discernimento e da absorção de novos conhecimentos. Abre a mente para o novo, o mais belo, o mais artístico, o mais inspirado, enfim, todas as conexões positivas da alma com o refinamento intelectual e espiritual.

Namastê!

Visite nossa loja:

www.alkimystika.com.br





O Poder das Pedras Azul Escuro - Labradorita




Sou uma pedra fantástica!
Minha cor natural vai do cinza ao verde escuro mas possuo um jogo de cores em tons metálicos brilhantes e iridescente, frequentemente em azul e verde e às vezes em laranja também. 
Meus elementos químicos principais são o sódio NA e o cálcio CA, fui primeiramente descoberta na região canadense da península de Labrador e meu nome tem raíz no latim "plagiu" que significa plágio, oblíquo, indireto, torto. 
O jogo de tons cintilantes que trago é produzido por minhas linhas de estrutura que não correm verticalmente, mas em sentido "oblíquo e torto". 
Meu trabalho, portanto, é ajudar a visão total do ser humano para que ele possa enxergar-se por inteiro, seus talentos e suas carências, eliminando seu olhar torto e falso sobre si mesmo. 
Se sou posicionada no frontal, estimulo a visualização e a imaginação, e assim facilito a transformação da etérea intuição em pensamento concreto e assertivo. 
Se desço um pouquinho através do seu corpo e moro temporariamente no coração, cuido dos que por alguma razão não conseguem ver sua iridescência, seu brilho interno, daqueles que desenvolvem um sentido de ser inferior que é muitas vezes mascarado e compensado com atitudes de superioridade, autosuficiência, desejando parecer melhores que outras pessoas. 
Sou atraída também pelos que não conseguem abrir o coração para o amor real consigo próprio e com a vida e tendem a direcionar valores para objetos, posições sociais e intelectuais, mas entendo também que todos esses sentimentos e atitudes são, em sua maioria, inconscientes. 
Estou na Terra para retirar as máscaras, os plágios, as cópias e as defesas que a baixa auto-estima provoca, pois minha energia é associada ao planeta Vênus, que caracteriza todas as formas de beleza, do compartilhar e do amar sem condições. 
Um pesquisador e estudioso, Antonio Duncan, escreveu em um de seus livros que eu possuo uma sintonia muito forte com a Estrela Sírius e que as pessoas que se sentem atraídas por mim provavelmente sentem saudades do lar.






Namastê!

Visite nossa loja:

www.alkimystika.com.br





O Poder das Pedras Azul Escuro - Tanzanita



Tanzanita é uma pedra de transformação em sintonia com a chama violeta, a Tanzanita tem vibrações extremamente elevadas, fazendo conexão com os reinos angélicos, os guias espirituais, os Mestres A
scensionados e a consciência crística. Ela ajuda a entrar com facilidade em estados alterados de consciência e a viver conscientemente no eterno agora. Tanzanita facilita a viagem astral e torna a meditação mais profunda. Tanzanita abre os chacras sutis ligando com a estrela da alma afim de acessar e ancorar o nível seguinte da evolução espiritual no plano físico. Conectada ao Registro Akáshico, esta pedra facilita a cura celular e cármica multidimensional, de modo que a alma esteja pronta para a ascensão. Tanzanita ajuda você a descobrir os seus talentos e vocação.


Namastê!

Visite nossa loja:

www.alkimystika.com.br




O Poder das Pedras Azul Escuro - Safira




As melhores Safiras provinham antigamente de Kashmir, na India, cuja extração, hoje em dia, está esgotada. 
A Safira é uma "pedra tranquila", pois quando apenas verbalizamos seu nome, a paz e sereni
dade toma conta da nossa alma! De um azul profundo, a melhor maneira de descrever essa pedra é compará-la à beleza de um céu noturno ou a quietude e a calma sem fim de um panorama visto do alto de uma montanha. Sua cor firme e profunda afugenta depressão, confusão mental, problemas de concentração e tensões nervosas, alinhando os planos físico,mental e espiritual.
A Safira aponta o caminho para um contato maior com nossa própria essência, nos ajudando a entender nosso papel no funcionamento do Universo, através da meditação em seu profundo azul!



Namastê!

Visite nossa loja:

www.alkimystika.com.br




O Poder das Pedras Azul Escuro - Azurita



Chega um momento em nossa evolução que se torna necessário desafiar a própria natureza da realidade pessoal de um ser. Ao abandonar velhos padrões é possível dar um importante salto para uma realida

de maior e experimentar a conscientização expandida que surge quando se substituem conceitos obsoletos por uma compreensão mais profunda da vida.


A Azurita destina-se a esse salto. Representa a luz por dissolver a obscuridade de cada temor e transforma-lá num discernimento mais claro. Sua radiante tonalidade azul-escura tem capacidade de deslocar pensamentos subconscientes para a mente consciente.


A azurita motiva o raciocínio mais elevado trazendo à tona profundos modelos de pensamento subconsciente para que sejam examinados pela percepção consciente. Esse processo renova, reanima o raciocínio para servir a um propósito mais nobre.

Na antiga época egípcia, essa valiosa pedra foi usada por eminentes sacerdotes e sacerdotisas a fim de elevar sua percepção a um estado de consciência divina.


A pureza destes cristais purifica a mente e a alma, trazendo luz e verdade.

O seu intenso e vibrante azul possui a capacidade de deslocar a energia curativa através de todos os níveis de um ser do físico ao mais sutil. A azurita age como catalizador para iniciar a transformação que integra a Terra ao éter, o físico ao espiritual.


Essa ligação ocorre quando se purifica a mente subconsciente, permitindo que a luz interior se funda em pensamentos, sentimentos, palavras e ações.







Namastê!

Visite nossa loja:

www.alkimysyika.com.br





O Poder das Pedras Azul Escuro - Sodalita



Trata-se de um dos despertadores do terceiro olho, que prepara a mente para o recebimento da visão interior e do conhecimento intuitivo. Constitui a mais densa e assentada das pedras de azul intenso e extrai pensamentos profundos desobstruindo a mente para que funcione apropriadamente.

Quando a mente se acalma, pode-se obter maior perspectiva e compreensão. A sodalita proporciona a mente a habilidade de pensar de forma racional e intelectual para chegar conclusões lógicas. A sodalita ajuda a remover antigos padrões mentais do subconsciente para abrir caminho ao pensamento consciente.


Essa pedra assemelha-se ao intenso azul-escuro do céu noturno, quando se viaja para o fundo da mente, como o sono, e se volta revigorado com maior compreensão e perspectiva. Suas linhas e manchas brancas simbolizam a luz espiritual que surge quando se equilibra a mente.


Pedra de direcionamento mental, do objetivo e da intenção. Estimula a coragem e a persistência nestas metas e objetivos. Promove a clareza mental e a absorção dos conhecimentos necessários para tornar os objetivos realizáveis.

Acalma, interioriza, traz a paz interior, mas não aquela que anestesia, e sim a paz que faz a pessoa sentir-se muito segura de si, e começa então a colocar em prática seus propósitos que almeja atingir.






Namastê!

Visite nossa loja:

www.alkimysyika.com.br





O Poder das Pedras Azul Escuro - Quartzo Azul



Acalma, proporciona a paz. Trata beneficamente mais dos aspectos físicos como dores, mal estar causado pela febre, atenua estados inflamatórios, palpitações, ansiedades, nervosismo, auxiliando 
energeticamente.


Namastê!

Visite nossa loja:

www.alkimysyika.com.br





sábado, 24 de novembro de 2012

Conde de St. Germain



O Conde de St. Germain (Transilvânia, 28 de Maio de 1696 — Eckernförde (?), 27 de fevereiro de 1784) foi uma das figuras mais misteriosas do século XVIII. Tido como místico, alquimista, ourives, lapidador de diamantes, cortesão, aventureiro, cientista, músico e compositor. Após a data de sua morte (de precisão incerta), várias organizações místicas o adotaram como figura modelo. Segundo relatos antigos, era imortal e possuía o elixir da juventude e a pedra filosofal.


Vida


O fato de nunca ter revelado sua verdadeira identidade levou a muitas especulações a respeito de sua origem. Entre elas, uma especulação aponta que o conde seria filho de Francis II Rákóczi, o príncipe da Transilvânia que, na época, estava exilado; outra divagação diz que seria filho ilegítimo de Marie-Ann de Neubourg, viúva de Carlos II da Espanha, com um certo conde Adanero, que ela conhecera em Bayonne, no sudoeste de França. Alguns historiadores portugueses consideram que era filho ilegítimo do rei D. João V, fruto da ligação com uma freira de Odivelas. O Conde de St. Germain teria estudado na Itália, possivelmente como protegido do Grão-Duque Gian Gastone (o último descendente dos Médici).


As primeiras aparições registradas do Conde de St. Germain deram-se em 1743, em Londres, e em 1745, em Edimburgo, onde ele foi aparentemente preso, acusado de espionagem. Solto, logo adquiriu a fama de ser um virtuose no violino. Tinha hábitos ascéticos e celibatários. Durante esse tempo, conheceu Jean-Jacques Rousseau, que declarou ser a pessoa do Conde "a mais fascinante e enigmática personalidade que já conhecera". Desapareceu subitamente em 1746. Horace Walpole, que conheceu St. Germain em Londres, em 1745, o descreveu: "Ele canta, toca o violino maravilhosamente, compõe, mas é louco e falta-lhe sensibilidade".


Reapareceu em Versalhes, no ano de 1758. Dizia-se ourives e lapidador, bem como trabalhava com tingimentos de tecidos que nunca desbotavam, por terem uma fórmula secreta. Hospedou-se em Chambord, sob a proteção do rei Luís XV, de quem havia angariado a confiança, e também de sua amante, Madame de Pompadour. Nessa época, distribuiu diamantes como presentes, entre a corte, e ganhou a reputação de ter séculos de idade. Nos salões da corte, um mímico, denominado Gower, começou a imitar os maneirismos do Conde, dizendo ter conhecido Jesus Cristo. Em 1760, ele deixou a França, indo para a Inglaterra, cujo Ministro de Estado, duque de Choiseul, tentou prendê-lo.

Depois desses fatos, esteve nos Países Baixos e em São Petersburgo, na Rússia, quando o exército russo colocou Catarina, a Grande no trono. Mais tarde, a destituição do imperador com a substituição por Catarina seria atribuída a uma conspiração do Conde.


No ano seguinte, foi para a Bélgica, onde comprou terras com o nome de Conde de Surmount. Tentou oferecer sua técnica de tratamento de madeira e couro ao Estado. Durante as negociações, que resultaram em nada, na presença do primeiro-ministro Karl Cobenzl, ele transformou ferro em algo com a aparência do ouro. Depois desapareceu por onze anos, para reaparecer em 1774, na Baviera, sob o nome de Conde Tsarogy.

Em 1776 o conde ainda se encontrava na Alemanha com o título de Conde Welldone, ainda oferecendo receitas de cosméticos, vinhos, licores e vários elixires. Impressionou os emissários do rei Frederico com sua capacidade de transmutação de simples metais em ouro. Para Frederico, ele se apresentou como maçom.

Posteriormente, o Conde de St. Germain estabeleceu-se na residência do príncipe Karl de Hesse-Kassel, governador de Schleswig-Holstein, e lá pesquisou a fitoterapia, elaborando remédios para dar aos pobres. Para o príncipe, ele se apresentou como Francis Rákóczi II, príncipe da Transilvânia.




Morte


No ano 1779 St. Germain chegou a Altona em Schleswig, onde tornou-se amigo do príncipe Carlos de Hesse-Kassel, que forneceu materiais e subsídios para o conde realizar seus experimentos.

Em 27 de fevereiro de 1784 o conde de Saint Germain morreu na residência junto à fabrica cedida pelo príncipe Carlos de Hesse-Kassel. Sua morte foi registrado nos anais da Igreja de São Nicolau em Eckernförde[1] e sepultado no dia 2 de março [2]. No dia 3 de april a cámera e burgomestre de Eckernförde emitiu um proclama de leilão dos poucos pertences deixados pelo conde, já que nenhum parente apareceu para reclamá-los[3]

No final século XIX começaram a aparecer rumores de aparições do conde. St. Germain supostamente teria sido visto em 1835, em Paris, e em 1867, em Milão[carece de fontes]. Adeptos da teosofia foram os proponentes da tal imortalidade do conde, clamando-o como mestre e que ainda estava vivo. Annie Besant, uma teosofista, disse ter conhecido o conde em 1896. Outro teosofista, C. W. Leadbeater, disse tê-lo encontrado em Roma, em 1926. Um piloto americano, após falha mecânica em sua aeronave em 1932, fez um pouso forçado em uma das montanhas isoladas do Tibet;e entre os monges que o trataram, relatou que havia um homem estranho que teria dito Eu sou o Conde de Saint Germain, e em breve voltarei para a França(sic). Nos anos 1970 o francês Richard Chanfray clamava ser o conte.




As lendas


Várias lendas surgiram entorno do Conde de St. Germain, às quais faltam respaldo histórico. Modernamente estas lendas são propaladas por grupos místicos-religiosos.

Dizem que certa vez[carece de fontes], o Conde de St. Germain assombrou a corte do rei Luís XV, quando o rei reclamou para si possuir um diamante de tamanho médio que, por ter um pequeno defeito, valia apenas seis mil libras e que, se tal falha não existisse, valeria pelo menos o dobro. St. Germain solicitou a pedra e, após um mês, devolveu-a ao joalheiro real, com o mesmo peso, sem que apresentasse a mínima anomalia.

Vários relatos afirmam ter o Conde uma imagem imutável, pois sempre aparentava ter por volta de 45 anos. Madame d'Adhemar, biógrafa e dama da corte de Maria Antonieta, conheceu St. Germain, em Paris, perto de 1760 e relata, em suas memórias, datadas de 12 de maio de 1821, que havia reencontrado o Conde de St. Germain na vigília da morte do Duque de Berry, em 1815, ou seja, 55 anos após, e que incrivelmente, ele aparentava os 45 anos de sempre, não havia envelhecido. Segundo as memórias de Giacomo Casanova, o músico Rameau e Madame de Gergy juraram ter conhecido o Conde de St. Germain em Veneza, em 1710, usando o nome de Marquês de Montferrat, e tê-lo reencontrado com a imutável aparência, em 1775 (se verdade, destruiria as hipóteses de o Conde ser filho do príncipe Francis II Rákóczi ou da Madame de Neubourg).


Homem de personalidade hipnótica, frequentava a corte ocasionalmente e se tornava o centro das atenções em qualquer reunião mas, estranhamente, nunca ninguém o viu comer ou beber o que quer que seja publicamente[carece de fontes]. A origem de sua renda também é um enigma, pois era um homem rico, detentor de várias pedras preciosas, incluindo diamantes, que gostava de presentear, uma opala, de tamanho monstruoso, e uma safira branca, tão grande quanto um ovo, e de fartura em ouro, sem que se soubesse de onde procediam. Tinha a fama de possuir o elixir da juventude e a pedra filosofal. Conta-se que ele era capaz de produzir diamantes a partir de pedras pequenas comuns. Os diamantes que decoravam seus sapatos valiam a soma considerável de duzentos mil francos. Madame du Hausset relata que, certa vez, estava na presença do Conde e da rainha Maria Antonieta enquanto ele mostrava algumas jóias a ambas; Madame du Hausset comentou brevemente sobre a beleza de uma cruz, decorada com pedras brancas e verdes; no mesmo momento, o Conde quis presenteá-la com a jóia, o que foi recusado. Por insistência da rainha, que achava ser o artefato falso, ela aceitou. Depois de algum tempo Madame du Hausset solicitou ao joalheiro real que avaliasse a cruz, constatando ser ela verdadeira e de valor inestimável.


"Um homem que sabe tudo e que nunca morre" disse Voltaire a respeito do Conde de St. Germain[carece de fontes]. Assim era visto o Conde na época, já que frustrara várias tentativas, por parte de inúmeras pessoas, em desvendar os verdadeiros fatos sobre a sua origem. Rumores afirmam que o Conde Cagliostro era seu discípulo. O Conde também tinha o hábito de aparecer subitamente em uma roda social e depois sumir por vários anos, sem deixar traços.




Papel em sociedades místico-religiosas


Algumas sociedades místicas afirmam ter Saint Germain reencarnado várias vezes, anteriormente, sob a pele de figuras históricas como o Profeta Samuel, Santo Albano, o filósofo grego Proclo, José, pai de Jesus, o mago Merlin, o frade alquimista Roger Bacon, o fundador do Rosacrucianismo Christian Rosenkreuz, o navegador Cristóvão Colombo, o fundador do espiritismo Allan Kardec, o político inglês Francis Bacon, tendo sido nesta encarnação o verdadeiro autor das obras atribuídas ao dramaturgo e poeta inglês William Shakespeare.

Hoje em dia, segundo estes místicos, seria um dos Chohans dos Sete Raios. Os Chohans, Senhores, Diretores ou Mestres dos Sete Raios relacionados com a evolução no plano físico cósmico, trabalham em plena harmonia entre si para executarem o Plano Divino.




Chama Violeta


Para alguns, Saint Germain é o "Mestre Ascenso do Sétimo Raio", que emana a chama violeta, e que seria a mais poderosa força espiritual atualmente presente no planeta, uma energia de desobstrução, um fogo sagrado e luz de intenso brilho que produz a queima dos carmas.

Atualmente estaríamos entrando na sétima era, a Era de Aquarius. Saint Germain seria o Senhor, Mestre e Chohan (Regente) do Sétimo Raio de Luz Cósmica, que é o raio violeta da purificação, transformação e liberdade, que atua de forma dinâmica através de sua manifestação como chama.

Como possibilitaria a redenção pessoal através da dissolução e incineração cármica, a chama violeta é também a chama da misericórdia, uma vez que é um instrumento que possibilitaria a melhora pessoal e ascensão espiritual, instrumento criado e outorgado pelo Divino, pelo emanador dos raios cósmicos — O Grande Sol Central.

No Brasil, o Avatar da Era de Ouro de Aquário tem vários grupos que divulgam seus ensinamentos. Entre eles estão a Fraternidade dos Guardiães da Chama e o Movimento da Consciência Suprema Una.




Obras


* Peças musicais (Diversas), que são executadas até hoje em Eckernförde;

* Santíssima Trinosofia (o original, séc. XVIII, acha-se atualmente na Bibliothéque de Troyes, França) (O único escrito realmente atribuído ao Conde de Saint Germain).













Namastê!

Visite nossa loja:

www.alkimysyika.com.br















Porque usamos aliança na mão esquerda ?


Os egípcios acreditavam que nesse dedo (anelar) existe uma veia que está ligada diretamente ao coração. Então, a aliança colocada sobre essa veia estaria também ligada ao símbolo do amor.


Na Inglaterra medieval, a noiva usava inicialmente a aliança no dedo polegar (era moda nessa época) e no casamento o noivo ia mudando a aliança de dedo, enquanto recitava “Em nome do pai, do Filho e do Espírito Santo”. A cada menção, um dedo. Assim, do polegar chegava ao anelar e aí permanecia para sempre.


Outra é a de que o dedo anelar, da mão esquerda é o menos utilizado de todos os dez dedos. Dessa forma, a aliança ali corria menos riscos e estava mais protegida. Assim, também o amor do casal.


No entanto, a melhor explicação vem dos chineses. Vejam o vídeo abaixo:




http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=5IoBymxUvCY








Namastê!
visite nossa loja virtual,
mais de mil artigos esotéricos:
www.alkimystika.com.br